domingo, 18 de agosto de 2019
44 9816-6299 / 44 999116887
Brasil

09/08/2019 às 13h41

24

Marlene Reis

Maringá / PR

Jovem tem mais de 80% do corpo queimado após explosão de gás em Maringá
Explosão de gás em Maringá
Jovem tem mais de 80% do corpo queimado após explosão de gás em Maringá
Arquivo pessoal

Jovem tem mais de 80% do corpo queimado após explosão de gás em Maringá


Um estudante foi internado em estado grave em um hospital após a explosão de um botijão de gás na casa dele na manhã desta sexta-feira (9), em Maringá, no norte do Paraná. O jovem, está internado no Hospital Metropolitano de Sarandi com 80% do corpo queimado.


Lucas Herreiro é de Astorga, mas mora em Maringá há pouco mais de um ano.


“A especialidade dele é informática e ele mudou para desenvolver isso, era o que ele queria. Estava trabalhando e fazendo muitos cursos. Sempre apoiamos, ajudamos”, contou Judisson Herreiro, pai de Lucas.


O pai de Lucas contou que o filho nunca reclamou de vazamento de gás na residência.


“Esses dias estive com ele, limpamos e arrumamos algumas coisinhas, mas ele nunca falou ou reclamou sobre um possível vazamento. Ele fuma, é novo, não sentiu o cheiro”, disse.


A explosão ocorreu por volta das 8h, no jardim São Jorge, na região norte de Maringá. No local, há seis casas. Quando os bombeiros chegaram, a casa de Lucas ainda estava pegando fogo.


Imagens feitas depois que o fogo foi controlado mostram quase todos os móveis queimados. A mangueira do botijão de gás estava solta.


“A princípio, esse gás vazou durante a noite, e de manhã ocorreu a explosão”, explicou o tenente Santana, do Corpo de Bombeiros.


Antes de ser levado ao hospital, o estudante contou para uma vizinha, a primeira a chegar no local do incêndio, que acordou e acendeu um cigarro. Depois disso, ocorreu a explosão.


“Estava dentro de casa quando escutei o estouro, mas como não vi sinal de nada, não percebi. A vizinha veio e falou que o botijão dele estourou. Ele saiu de dentro de casa todo queimado, pedimos para ele sentar e se acalmar. Ele falou que só acendeu um cigarro”, lembrou Renata Clemente Lima.


O pai de Lucas tem esperança na recuperação total do filho.


“A nossa esperança é que ele se recupere e fique bem o mais rápido possível. Vamos aguardar para ver o que acontece”, diz Judisson Herreiro.

FONTE: G1

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados